Adding life to years
Text size:

Projeto 60+ Conectados com o Mundo Digital


Projeto 60+ Conectados com o Mundo Digital

Summary

O projeto prevê cursos de inclusão digital para pessoas idosas e a divulgação de conteúdos digitais para estimular práticas de autocuidado e educação em saúde que promovam a autonomia e independência da pessoa idosa. Os idosos serão ensinados a utilizar smartphones e tablets, começando com as funcionalidades básicas (acesso ao Wifi, ajustes de volume e fontes, uso do google, whatsapp, entre outros) e de aplicativos e sites especificamente voltados ao público idoso. O Projeto contou com o apoio do Conselho Municipal do Idoso, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Habitação e e Longevidade e com a Fundação Vivo.

Website: http://www.hcspl.com.br/

Key facts

Main target group: Older people in general

Sector(s): Education, Housing, Labor

Desired outcome for older people:
Meet their basic needs

Other issues the Age-friendly practice aims to address:
  • Inclusion
  • Participation
  • Technologies

Contact details

Name: Leonardo Maziero

Email address: cmi@veranopolis.rs.gov.br


Age-friendly practice in detail (click to expand):

Engaging the wider community

Project lead: Civil Society Organisation

Others involved in the project:
  • Private sector

How collaboration worked: O Projeto 60+ Conectados com o Mundo Digital conta com o apoio do Conselho Municipal do Idoso e da Secretaria de Desenvolvimento Social, Habitação e Longevidade, e surgiu como uma ação complementar as demandas do Projeto Cidade Para Todas as Idades. Através de pesquisa aplicada com os idosos do nosso município, foi identificada como uma necessidade, a aprendizagem do uso das novas tecnologias, assim, com o Projeto 60+ o Hospital promoveu a inclusão digital através de aulas (10 encontros de 1h30min cada) com foco no ensino do uso de celulares/smartphones. A elaboração do material didático contou com a participação de equipe multidisciplinar (enfermeira, nutricionista, geriatra, fisioterapeuta e pedagoga).

Older people’s involvement: Older people were involved in the age-friendly practice at multiple or all stages

Details on older people’s involvement: Ao proporcionar o aprendizado do uso das novas tecnologias aos idoso, abrimos um leque de novas possibilidades para eles, desde fortalecimento de vínculos com seus familiares e amigos através do uso de aplicativos e redes sociais, a retomada da independência em certas atividades, até o despertar da curiosidade por novos assuntos relacionados as novas tecnologias.

Moving forward

Has the impact of this age-friendly practice been analysed: No

Do you plan to evaluate your age-friendly practice? Yes

Feedback:
Registro do Feedback dos alunos que concluíram o curso: “Aos administradores desde hospital de Veranópolis, meus sinceros agradecimentos pelo projeto que veio ao encontro dos idosos, despertando interesse de aprender a manusear o telefone celular, e assim, ocupar o tempo precioso comunicando-se, distraindo-se e informando-se para que a vida seja mais descontraída e divertida. Foi maravilhoso conviver este momento com os colegas e essa professora, que teve paciência e calma para ensinar. Um outro curso mais aprofundado será bem vindo! Minha Gratidão! “Esse curso de inclusão digital foi muito bom. Aprendemos como usar o celular e o tablet. Muitas dúvidas foram solucionadas. A turma muito divertida. A professora excelente, trabalhou com a turma com muita calma tirando as dúvidas.

Expansion plans:
O projeto foi desenvolvido para capacitar 100 idosos, divididos em 10 turmas, dessa forma, nossa prática amiga já formou 40 idosos, no momento está proporcionando o ensino para 30 novos alunos e será finalizado até 12/2020 com mais 30 novos alunos.

Looking back

Reflections:
Tendo em vista o relato dos alunos que já finalizaram o curso, se pudéssemos programar novas ações com este mesmo intuito, promoveríamos o módulo 2, onde aprofundaríamos o aprendizado dos alunos com novos conhecimentos.

Challenges:
O maior desafio foi motivar os idosos a realizarem suas inscrições, muitos tinham receio e até um pouco de vergonha em realizarem suas inscrições, pois acreditavam que não aprenderiam a usar as novas tecnologias por serem idosos. Superamos essa dificuldade com o apoio entre os próprios idosos, ou seja, os mais motivados e participativos foram incentivando os que estavam mais receosos.

Age-Friendly World